Para Refletir

Mas afinal, o que é ser saudável?

1456887600000-Cozinha-Pratica-a-sexta-temporada-vem-ai-e-vem-dancando
Foto

Há um tempo atrás rolou um bafafá no Twitter entre a apresentadora de do GNT Rita Lobo e uma pessoa aleatória que resultou em discussões sobre distúrbios alimentares e o que realmente seria uma alimentação saudável.

Rita defendeu que a gastronomia atualmente vem passando por uma série de modismos (que eu até já dei uma comentada NESTE POST aqui no blog) e que comida de saudável é comida de verdade, aquela que você faz em casa com com temperos frescos, legumes verduras em um bom prato colorido e isso, mais uma vez, me levou a refletir sobre o que de fato pode ser considerado uma alimentação com saúde pra mim e o que eu estou fazendo para melhorar a qualidade do que ando comendo por aí.

Pra começar, acredito que de uns dois anos pra cá eu melhorei muito a forma como me alimento. O boom da maravilhosa Air Fryer me ajudou completamente a eliminar a fritura do meu dia a dia, também quase não consumo mais farinha branca em casa, a aveia me atende super bem e até o macarrão eu passei a comer integral e não sinto a menor diferença. Arroz eu já nunca comi mesmo, mas comecei a incluir legumes com mais frequência no meu cardápio como carboidrato junto com uma proteína leve, além de cortar sucos de caixinha e refrigerante e investir nos cucos naturais, principalmente os verdes que contém folhas de couve, gengibre, hortelã e as frutas que vou variando.

Minha alimentação está longe de ser perfeita, principalmente por conta do meu paladar extremamente doce, sempre sinto essa necessidade por alimentos doces e sobremesas, mas até nisso já acho que melhorei muito. Antes consumia muito mais e mesmo ainda consumindo, eu consegui diminuir consideravelmente, sem contar que estou dando mais preferência para o açúcar mascavo que o tradicional refinado e cristal.

Pra mim ser saudável é cada vez mais tentar ampliar o leque de opções de comidas frescas provindas da natureza e menos industrializadas. Eu ainda preciso melhorar muito, mas a cada dia vou descobrindo melhor meu paladar e quando não gosto de algo que é feito de uma determinada forma, tento experimentar em uma outra textura ou com outro preparo, que é o caso da couve. Não gosto muito dela crua e nem refogada porque o sabor é forte, mas batida nos sucos eu amo e até sinto falta quando não coloco.

IMG_1061

O que eu realmente não sou adepta é do radicalismo. Se eu saio para um barzinho, bebo uma cerveja e como petiscos, se vou a aniversários eu como salgadinhos, docinhos e bebo refri a vontade. Considero que essas saídas de rotina fazem bem pra gente se sentir bem ás vezes e dar valor a alimentação saudável que buscamos no cotidiano. Dar uma escapada não faz mal a ninguém, o consumo constante é que muda tudo.

Vale a pena refletir sobre isso. E pra vocês, o que é ser saudável?

Obrigada por me acompanharem. Beijos, Carolina.

Anúncios

Um comentário em “Mas afinal, o que é ser saudável?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s